Amor, Luz e Vida aos Portadores de Hanseníase

Fev 1, 2022 | Bangalore, Pastoral da saúde, Solidariedade e Missão

Bangalore, Índia. A Sociedade Sumanahalli recebeu o prêmio de melhor Organização Não Governamental por trabalho entre os afetados pela hanseníase no Estado de Karnataka pelo Governo, em Bangalore, Índia. Sumanahalli é administrado pelos Claretianos da Província de Bangalore desde 1987, provavelmente a única intervenção dos Claretianos com pessoas afetadas pela lepra em qualquer lugar.

O prêmio foi entregue pelo Dr. Parimala S Maroor, Diretor do Instituto Estadual de Saúde e Bem-Estar da Família, no programa do Dia Anti-Lepra no dia 31 de janeiro, organizado conjuntamente pelo Governo de Karnataka e pela Sociedade Sumanahalli. O Sr. Mastan Saheb, o mais alto funcionário da sociedade Sumanahalli, que trabalha para a lepra há 40 anos, recebeu o prêmio em nome da Sociedade.

Sumanahalli foi iniciado pelo Arcebispo de Bangalore em 1976, respondendo ao pedido do Ministro Chefe de Karnataka, que estava convencido de que apenas um Centro Cristão forneceria o serviço compassivo necessário para pessoas afetadas pela hanseníase. O arcebispo trouxe várias congregações religiosas para trabalharem juntas e depois encarregou os claretianos de liderar as atividades a partir de 1987.

Atualmente, São José de Tarbers (SJT), Irmãs Franciscanas da Imaculada e Irmãs de Montfort prestam seu serviço na sociedade, coordenado pelos Claretianos. Há também um grande número de funcionários leigos, pertencentes a diferentes religiões, tornando Sumanahalli um belo exemplo de “trabalho com os outros”.

Conferindo o Prêmio de Melhor ONG para Sumanahalli, em nome do Departamento de Saúde do Governo de Karnataka, Dr. Parimala disse que “a Sociedade Sumanahalli fez um trabalho louvável pela causa dos afetados pela hanseníase em seus 45 anos de serviço.”

O programa foi organizado no Campus Sumanahalli na estrada Magadi, onde mais de 100 pessoas com antecedentes de hanseníase recebem tratamento e instalações de reabilitação.

Dando as boas-vindas ao encontro, o padre George Kannanthanam, CMF, diretor da sociedade Sumanahalli disse: “A sociedade Sumanahalli deu vida digna a mais de 11.000 pessoas afetadas pela hanseníase por meio de um programa integrado de reabilitação que consiste em educação, treinamento vocacional, colocação profissional, moradia e famílias assentadas.” Isso está de acordo com o tema do Dia Anti-Lepra da OMS para 2022, “Unidos pela Dignidade”. Quatro Padres Claretianos estão envolvidos no projeto Sumanahalli. O Inspetor, Pe. Sabu George, CMF, é o Vice-Presidente da Sociedade, sendo o Arcebispo o Presidente.

Sumanahalli tem prestado apoio a pacientes de hanseníase que vivem em todas as 11 colônias da cidade de Bangalore. Construiu cerca de 600 casas para leprosos. Sumanahalli administra uma escola no campus para crianças com antecedentes de hanseníase, HIV e deficiências. Vários programas de treinamento vocacional são fornecidos para que eles consigam emprego. Uma unidade de confecção de roupas lhes oferece emprego. Sumanahlli tornou-se um centro de várias atividades sociais com projetos para órfãos, meninos de rua e delinquentes juvenis, além dos afetados pela hanseníase, HIV/AIDS e deficiências. O lema da Sociedade é Amor, Luz e Vida.

Categorias

Arquivos

A urgência de continuar cuidando do planeta

A urgência de continuar cuidando do planeta

Nova York, EUA. As Nações Unidas acolhem nestes dias a celebração de um encontro de alto nível (HLPF) sobre desenvolvimento sustentável e cuidado do planeta no qual participa a Família Claretiana. Os membros da Equipe dos Missionários Claretianos perante as Nações...

Algumas lições do Stockholm+50

Algumas lições do Stockholm+50

Estocolmo, Suécia. No seguimento da resolução 75/280 da Assembleia Geral da ONU de 25 de maio de 2021, a comunidade ambiental global reuniu-se na Stockholmsmässan (Feiras Internacionais de Estocolmo) em Estocolmo, de 2 a 3 de junho de 2022, para o evento...

claretian martyrs icon
Clotet Year - Año Clotet
global citizen

Documents – Documentos