Encontro do Governo Geral com os Governos de MICLA: Crônica do dia 10 de dezembro

Dez 11, 2019 | MICLA

Oração da manhã

Nove gritos ardentes de uma vela que não se consome,

nove palavras sentadas no leito de algumas alvoradas.

Ao lado, Maria, cofre aberto dentro da alma,

Oferecendo sabores e algumas flores em sua cama.

O violão soa alto,

suas cordas sofrem hoje ao amanhecer:

“Vá ao redor do mundo, grite para as pessoas

que o amor de Deus não acaba,

nem mesmo a voz de Deus se perde. ”

Discípulos missionários, diz a voz claretiana

Apreciamos que somos vida e voz da Palavra.

 

Mais um dia de trabalho que aquecemos com uma breve oração. Depois, a Crônica de Darío para conservar a história. Em seguida, é Carlos quem desenha as palavras para o quadro da manhã: Formação, MICLA, Missão Compartilhada, Pastoral Vocacional, Governo… Então, nos dividimos por prefeituras.

 

Prefeitura de economia

Não é estranho que na festa de

Orçamentos e Balancetes cantem saldos.

A plataforma FINCLAR foi o baile primeiro e principal: com estas palavras

  • Começamos o ano com pasta nova e vazia, em moeda local se se prefere, mas com sua equivalência em dólares ou em euros
  • Podem se acrescentar novas linhas.
  • Abre-se a possibilidade de “notas breves” para explicar mudanças importantes.
  • Tudo é feito num “rascunho”. Uma vez concluído e verificado passa-se ao “terminado”. Para qualquer mudança posterior exige-se que desde Roma liberem a plataforma.
  • O envio do Balancete e Orçamento em forma digital vai até 10 de fevereiro. Também se deve enviar ambos em forma física convenientemente firmada.

E passamos a outro assunto:

Isto sim que foi um baile,

Muitos nomes enviados,

Muito otimismo entre os frades

E ao final nomes de ninguém.

Foi a história, um pouco exagerada, dos cursos Online. Parabéns aos atrevidos e responsáveis!

Porém há novidades: de 14 a 23 de setembro, entre Roma e Madri, em espanhol, e de 30 de novembro a 10 de dezembro, em inglês, também entre Roma e Madri, os novos ecônomos terão a sorte de experimentar seu próprio seminário.

E para todos os estudantes se prepara um curso propedêutico (umas 120 horas). Em 2020 será apresentado o programa piloto.

Logo após, durante o diálogo, apareceram algumas questões concretas:

  • Manejo econômico diferente nas paróquias. Às vezes se defende informar à diocese mas põem dificuldades para fazer o que compete com a Administração Provincial.
  • Para a administração do patrimônio, se for suficientemente grande, a sugestão é recorrer a profissionais. A decisão sempre deve estar nas mãos dos claretianos.
  • Os organismos da África e Ásia estão progredindo na economia: alguns organismos são autossuficientes e até colaboram com a Administração Geral; outros reduziram o apoio que solicitam de Roma.
  • Nem sempre se cumpre com a comunhão de bens. Deveria ser normal, pelo menos, uma reunião anual do Conselho econômico, de ecônomos locais, de superiores, pelo menos uma visita do Ecônomo Provincial às comunidades e o acompanhamento da economia por parte do Conselho Provincial.
  • Na comunhão de bens devem participar todos os Organismos e comunidades, inclusive se recebem ajuda da administração geral ou provincial. Esta ajuda deve aparecer nos Orçamentos. Se o saldo final na comunidade ou atividade for elevado (para mais de duas mensalidades) haveria que entregar a diferença ao ecônomo provincial.
  • Cuidado dos idosos. Há experiências diversas nos organismos. É conveniente que todos os claretianos gozemos da aposentadoria. É conveniente que haja um fundo provincial, melhor no sistema público.

Pela tarde, às duas e meia, nos reunimos novamente na sala e compartilhamos temas variados:

  1. Serviço de comunicação

A Srta. Paula, responsável pelo serviço de comunicação na Província Colômbia-Venezuela, compartilhou conosco sua experiência neste serviço. Incentiva os presentes a coordenar este serviço de comunicação em nível de MICLA. Nós nos unimos pela vocação claretiana e por uma Missão: ser missionários compartilhando a vida e as atividades claretianas.

Há necessidade de meios: câmeras, notebooks, tripés, computador, mas sobretudo, pessoas, equipe e um coração que una esforços. Evangelizar desde o serviço de comunicação é uma aposta bem claretiana. Precisamos nos organizar, unir-nos.

  1. Protocolo de abusos a menores e pessoas maiores vulneráveis

O Pe. Joseba Kamiruaga apresenta algumas datas da caminhada deste tema, que começa em fevereiro deste ano, e foram apresentados e corrigidos três projetos. Também houve três pessoas que carregaram o peso deste serviço: Padres Arthur, José Félix e Joseba. Em 25 de novembro, o Protocolo foi aprovado pelo Governo Geral.

O documento final vem acompanhado de uma carta do Pe. Geral e três anexos:

  • Anexo 1 – O que devem fazer os Superiores maiores
  • Anexo 2 – Elemento de um Código de conduta
  • Anexo 3 – Formulário de denúncia.

Momentos depois apresenta e comenta muito brevemente o índice.

O Pe. Joseba insiste especialmente em dois conselhos:

  • Este documento será enviado aos diversos organismos antes dia 25 de dezembro, deve ser adaptado à legislação de cada país e remetido à Secretaria Geral antes do dia 30 de junho de 2020.
  • O Governo Provincial deve ler e estudar este documento.

Antes de finalizar a sessão, no diálogo, aparecem algumas colaborações interessantes:

  • Devemos implicar-nos na cultura do bom trato, evitar clericalismos. Argentina realizou um seminário sobre este assunto.
  • Brasil oferece um apoio para os Colégios, pois está realizando o Protocolo para os centros educativos.
  • Uma proposta interessante: preparar um seminário virtual sobre esta temática para todos os claretianos.
  • É importante que as províncias tenham uma comissão de leigos especialistas no assunto, como assessores para os casos que possam aparecer.
  • Convém pensar em primeira pessoa e cuidar da própria vocação. Também respeitar a dignidade de cada irmão e orar por eles.

A última sessão do dia também se moveu com temas variados.

  1. O que fazer com os claretianos que têm dependências?

São variadas as possíveis dependências: sexo, tabagismo, alcoolismo, dependência do jogo… Dão-se a conhecer os diversos centros que atendem algumas destas dependências:

  • Em Curitiba (Brasil) duas casas cuidam destas dependências.
  • Também em Belo Horizonte (Brasil)
  • Hogares Claret na Colômbia atenderam em seu momento programas com religiosos e hoje poderiam assumi-los novamente.
  • Casa Alberoni em Guadalajara (México) e Programa Êxodo, dos Missionários do Espírito Santo, na Cidade do México.
  • Hogares CREA, fundação carisma na Paróquia Coração de Maria em El Salvador.
  1. MICLA

O Pe. Vidal nos relata, em breves traços, a história deste organismo.

  • Em 2012 MICLA celebra sua primeira Assembleia na qual são aprovados os Estatutos, se aceita o Projeto de Cicla com suas opções JPIC e animação bíblica como prioridades. Se relança, ainda, o Diário Bíblico.
  • 2105 – Assembleia em Guayaquil: apresentação do Projeto Missionário. Reafirmam-se as duas prioridades. Preparam-se dois encontros: SOMI e EDUCAÇÃO.
  • 2018 – Assembleia no Panamá: apresentam-se os informes das equipes existentes, um novo esboço do Projeto Missionário adaptado ao Capítulo Geral. Faz-se a eleição da nova Junta Diretiva que conclui em abril de 2021. Cria-se ITUCA.

O Diário Bíblico é a grande ajuda econômica para MICLA.

Podemos apontar alguns aspectos que podem ser melhorados em MICLA:

  • A comunicação em nível de Governo Provincial deve melhorar.
  • O Programa para 2020 não está completamente planejado.
  • Convém que na Junta Diretiva haja um membro de cada Província.

O Pe. Juan Carlos recorda que no encontro de 2016 se decidiu que os estudantes pudessem reunir-se em 2020 na Bolívia.

  1. Diário Bíblico

O Pe. Vidal comenta que, na reunião do Panamá, foi decidido que o Pe. Fredy Cabrera assumiria a responsabilidade do Diário Bíblico a partir de abril de 2020. Como novidade, pretende-se assumir um tema único para o próximo triênio. O Pe. Cerezo uniria este novo projeto de três anos com seus desenhos tão interessantes.

  1. UNICLARETIANA

Os Padres José Oscar, reitor, Agustín e as Senhoritas Natalí e Marcela chegam à Assembleia para apresentar a UNICLARETIANA.

O lema da gestão 2019 foi: Paz e Interculturalidade “O Prolongamento de uma obra missionária”.

José Oscar aponta as três etapas desta Universidade: de salvar almas inicialmente, há uma ruptura em direção a uma opção integral pelo povo para concluir na ruptura da prática missionária claretiana que fala em organizar o povo, uma causa que levou a conquistas sociais.

Da FUCLA se passou à UNICLARETIANA como expressão da pastoral missionária dos claretianos, um compromisso humanista ao lado dos povos. Agradecemos o apoio de várias Universidades, especialmente de Batatais, e o apoio determinado da Província Colômbia-Venezuela.

O ensino superior visa o setor social mais baixo das várias regiões com presença.

A especialização em estudos bíblicos está na origem do Projeto. Atualmente, possui dois programas, um de Teologia e outro de Estudos Bíblicos. O presencial é combinado com o virtual.

Muito importante é o projeto de expansão, fruto do crescimento do número de alunos diante da infraestrutura reduzida em Quibdó. Pretende-se construir 17 novas salas de aula. A ampliação já aprovada deve atingir pleno uso em 4-5 anos.

Conclui o tema e a sessão com uma pergunta no ar: o que MICLA poderia fazer pelo ensino superior, uma marca claretiana de ensino superior?

Concluímos o dia com a celebração da Eucaristia presidida pelas Antilhas, um tempo para recolher o trabalho do dia, conhecer um pouco mais novos povos americanos, sentir o calor dos irmãos e o amor de Jesus Eucaristia.

Há coisas que já não penso,

São fruto do coração,

quando as penso as mato,

são sonhos, são ilusão.

 

Jesús María Oset, cmf

Cronista

Categorias

Arquivos

Novo Governo Provincial do Peru-Bolívia 2022 – 2028

Novo Governo Provincial do Peru-Bolívia 2022 – 2028

Chaclacayo, Peru. Na quinta-feira, 4 de agosto de 2022, os membros do III Capítulo Provincial da Província Claretiana do Peru-Bolívia elegeram aqueles que completarão o Governo Provincial que conduzirá a Província na realização do Sonho da Congregação no Peru e na...

claretian martyrs icon
Clotet Year - Año Clotet
global citizen

Documents – Documentos