3º Dia: Asante sana

Set 7, 2022 | Governo Geral, Nairobi 2022

Muito obrigado é o significado Swahili de “asante sana”, e é o que fizemos no início de nosso terceiro dia de encontro: Na Eucaristia, que foi animada pelos Claretianos da Índia e Sri Lanka (ASCLA Oeste), demos graças pela presença do Evangelho no continente africano, e particularmente na África Oriental (Quênia, Tanzânia e Uganda); demos graças pela vida do nosso irmão Pascual Hernando Calvo, CMF, que viveu ontem a sua Páscoa em Saragoça, Espanha; Também agradecemos porque hoje no Sri Lanka seis irmãos claretianos da Coréia (um) Camarões (dois) e São José Vaz (três) iniciaram seu noviciado.

  Na primeira parte da manhã fomos acompanhados por Joseph Mwaniki, IMC, missionário da consolação, originário do Quênia, que compartilhou conosco uma visão histórica da Igreja na África e especialmente na África Oriental; também nos apresentou alguns dos desafios que temos hoje como missionários nesta parte do mundo.

A seguir, nosso irmão Amos Moses Onyait, CMF, nos contou sobre a história da presença claretiana na África Oriental, a organização da Delegação Independente Charles Lwanga e os desafios das diferentes comunidades presentes nos três países que compõem a presença claretiana na África Oriental.

No início da tarde, lemos as saudações de nossos irmãos claretianos: Josep Abella, CMF, Bispo de Fukuoka, Japão e Cardeal Aquilino Bocos, CMF, ambos expressaram sua proximidade e entregaram suas orações. Em seguida, Pedro Belderrain, CMF, Conselheiro Geral e Prefeito de Apostolado, nos convidou a discutir a sinodalidade, a partir do caminho que a Igreja vem trilhando, tendo em vista o vademecum da secretaria sinodal sobre a sinodalidade; propôs algumas perguntas para aprofundar nossas disposições pessoais e comunitárias:

  • Pensando em incrementar a sinodalidade na vida da Congregação, o que você acha que é mais importante? Você proporia algo concreto?
  • A Igreja convida todos a ouvir, especialmente aqueles que podem ser ou foram menos ouvidos. A quem nossa Congregação pode “estar em dívida para ouvir”?
  • Seu Organismo viveu ou está vivendo uma experiência que o está ajudando significativamente a crescer na sinodalidade?

Após a conversa que ocorreu em grupos, nos demos espaço para compartilhar o que foi discutido em plenário e com isso finalizamos o trabalho de hoje agradecendo a Deus pelo que foi compartilhado durante este dia. Asante cura!

Mario David Gutiérrez, CMF, Cronista do dia

Categorias

Arquivos

Asanteni Sana!

Asanteni Sana!

Iniciamos nosso dia de sábado agradecendo a Deus pelo novo dia; os irmãos do Governo Geral animaram a oração da manhã que nos lembrou a presença de Maria em nossa comunidade congregacional. Abordamos várias questões esta manhã. A primeira foi motivada pela pergunta:...

claretian martyrs icon
Clotet Year - Año Clotet
global citizen

Documents – Documentos