“Contra o COVID-19”: A resposta claretiana da Província das Filipinas à pandemia

Mai 13, 2020 | Apostolado, Fr. Rhoel Gallardo, Solidariedade e Missão

Quezon City, Filipinas. A abertura do ano 2020 havia sido o maior desafio para os missionários claretianos nas Filipinas. Em janeiro passado, um vulcão entrou em erupção e foi um desafio na coleta de recursos e mão de obra para ajudar os sobreviventes e suas comunidades da melhor maneira possível. E enquanto o vulcão continuava repleto de fumaça e cinzas, as notícias do pessimismo começaram a agitar e alarmar o mundo sobre uma pandemia iminente: o coronavírus ou COVID-19.

A Região da Capital Nacional (Metro Manila) e toda a ilha de Luzon foram colocadas em quarentena pelo estado em março para impedir a propagação da pandemia. As duas paróquias claretianas da região metropolitana de Manila (a paróquia do Imaculado Coração de Maria [IHMP] sob a diocese de Cubao e a paróquia de Santo Antônio Maria Claret [SAMCP] sob a diocese de Novaliches) acabaram sendo a preocupação imediata da Congregação. Ambas se tornaram centros de operações de socorro e refúgio temporário para quem estava na linha de frente.

Ph 20200513 Contra Covid 19 1

Ph 20200513 Contra Covid 19 1Os idosos, as crianças, os deficientes, os diaristas do território paroquial, todos afetados pela quarentena e confinamento obrigatórios, tornaram-se a principal preocupação da Província.

“Com o início da pandemia, identificamos imediatamente os setores mais vulneráveis que precisavam de ajuda, especialmente aqueles que residiam entre os moradores informais no entorno urbano”, diz o Pe. Larry Miranda, CMF, Prefeito Provincial de Apostolado.

Embora Metro Manila tenha sido o epicentro, outras áreas de missão e instituições em que os missionários claretianos estão presentes, tanto nas Filipinas como no estrangeiro, responderam igualmente ao desastre, devido ao grande número de casos, do centro às periferias. Estas são a Fundação Ako ang Saklay em Nueva Écija, a comunidade da Missão e o Noviciado de Ormoc, as comunidades de Zamboanga City e Zamboanga Sibugay, as comunidades de Basilan, a comunidade de Datal Anggas e a Fundação Claret Samal-Bajau entre nossos povos indígenas, ZABIDA com suas quatro ONGs parceiras, todos os Colégios Claret, o Instituto de Vida Consagrada na Ásia (ICLA), os seminários, a Rádio Veritas Ásia, o grupo de solidariedade Claret e a missão de Vietnam e Mianmar.

“Atingindo milhares de beneficiários”, continua o Pe. Larry, “nos envolvemos em operações de socorro, preparando comida e abrigo para quem está na linha de frente, costurando máscaras faciais e equipamentos de proteção individual, distribuindo vale-refeição e realizando os primeiros socorros psicológicos. Algumas das áreas de nossa missão haviam trabalhado em estreita colaboração com unidades do governo local e outras organizações da sociedade civil para atender e responder às necessidades mais urgentes da população. Em todo o ecossistema da caridade nestes tempos difíceis, chegamos aos cristãos, muçulmanos e os povos indígenas, especialmente aqueles que vivem à margem da sociedade “.

Ph 20200513 Contra Covid 19 3

“Nossos recursos são escassos, mas esta escassez nunca foi um impedimento para o espírito, que nos chama a dar uma resposta missionária qualitativa ao que é “oportuno, eficaz e urgente”. Reconhecemos a ajuda de alguns escritórios governamentais, outros setores e organizações privadas, pessoas particulares, benfeitores, patrocinadores, amigos e paroquianos, e somos gratos a eles. Da mesma forma, tiramos o chapéu para as comunidades religiosas locais. Elas, no espírito de missão compartilhada e solidariedade, compartilharam todos os recursos que têm para ajudar nossas missões nas periferias ”, diz ele também.

Há duas coisas essenciais que sempre se colocam em primeiro plano como missionários claretianos cada vez que estamos em uma crise como esta pandemia: primeiro, nosso compromisso de ajudar os pobres, os vulneráveis e os mais desfavorecidos (cf. MS 9). Segundo, agir e responder às necessidades de nosso povo, com a graça de ser uma comunidade missionária (cf. MS 27).

Os Missionários Claretianos estamos em saída.

 

Categorias

Arquivos

claretian martyrs icon
Clotet Year - Año Clotet
global citizen

Documents – Documentos