«É comovente ver as crianças encharcadas de chuva e com feridas nos pés»

Jan 20, 2021 | Centroamérica, JPIC, MICLA, Solidariedade e Missão

Izabal, Guatemala. Mais uma vez, cerca de nove mil pessoas começaram o êxodo das terras hondurenhas. A realidade de extrema precariedade econômica enfrentada por grande parte da região centro-americana se agravou nos últimos meses, tanto pela crise econômica que resultou da pandemia do COVID-19, quanto pela devastação causada pelos furacões Iota e Eta. Além disso, a população está ameaçada por um clima de violência generalizada, desemprego e crescente repressão estatal.

Nos dias em que a caravana avança, por todo o território hondurenho e guatemalteco, já se deparou com situações de tensão e confusão. A crise é regional, enquanto o fluxo migratório provoca reações diversas nos países por onde os migrantes transitam ou esperam chegar.

Entre as pessoas que compõem a caravana encontram-se muitos menores e idosos. Há até famílias inteiras que optaram por deixar o país de origem, tendo perdido tudo. A maioria das pessoas passa fome e não sabe onde passar a noite ou onde pode receber assistência médica ou civil. Porém, a Igreja trabalha em unidade e colaboração, por meio das Casas de Migrantes da Guatemala e do México, bem como por meio de redes de solidariedade da Vida Religiosa e da sociedade civil.

Nossos irmãos da Província da América Central, especificamente da comunidade de Semají, Izabal, Guatemala, também fazem parte desta rede de solidariedade que acolhe e oferece ajuda, comida e abrigo a irmãos e irmãs migrantes. “É comovente ver as crianças encharcadas de chuva e com feridas nos pés”, comentou nosso irmão Pe. José Abel Carbajal Calles, cmf, membro daquela comunidade, que, junto com os outros irmãos e membros da paróquia, atende aos vários grupos que conseguem escapar dos cercos militares com o firme propósito de chegar à fronteira e conseguir cruzar para o México.

Certamente preocupam as medidas de “estado de prevenção” dos governos e as ações das polícias que procuram dispersar os migrantes, mesmo com violência e desrespeito aos direitos das pessoas. Porém, nossos irmãos continuam unindo-se ao chamado para que cada governo da região, em face das caravanas do êxodo centro-americano, possa garantir seus direitos e atender às necessidades humanitárias.

 

[envira-gallery id=”94815″]

Categorias

Arquivos

Primeira Profissão Religiosa em Córdoba, Argentina

Primeira Profissão Religiosa em Córdoba, Argentina

No dia 6 de janeiro de 2023, o primeiro ano do Noviciado Claretiano da América testemunhou a primeira profissão de doze noviços claretianos na capela do CEFyT em Villa Claret, Córdoba, Argentina. O Superior Provincial de San José del Sur, Pe. Mário Gutiérrez. Marcos...

ORDENAÇÃO PRESBITERAL EM CURITIBA, BRASIL

ORDENAÇÃO PRESBITERAL EM CURITIBA, BRASIL

Ordenação Presbiteral de Diego Lélis, CMF, no dia 10 de dezembro de 2022, na Igreja do Imaculado Coração de Maria, em Curitiba, Brasil. O bispo ordenante foi Dom Argemiro de Azevedo, CMF, bispo de Assis-SP.

claretian martyrs icon
Clotet Year - Año Clotet
global citizen

Documents – Documentos